Uma campanha que celebra a diversidade no mundo dos livros

No dia 21 de Setembro celebrou-se o Dia Internacional da Bibliodiversidade*.
Como não há bibliodiversidade sem editoras independentes e estas não existem sem leitores que compram livros, vamos pôr a funcionar este círculo virtuoso com mais uma campanha, desta vez dedicada a alguns dos nossos títulos menos convencionais, que exploram formatos menos comuns, e que por tudo isto podem ser mais estimulantes.

A partir de dia 22 de Setembro, e até dia 5 de Outubro, os seguintes títulos têm 40% de desconto na loja online do Pato:

COLECÇÃO DESCONCERTINAS
IncómodoDestinoOutono, PartidaDegeloImpulso

COLECÇÃO A MINHA CIDADE
EdimburgoBejaMadridViseuSão PauloQuitoCoimbra

A colecção Desconcertinas foi criada por André Letria em 2011. É composta por histórias rápidas, algumas harmoniosas, todas desconcertantes, que se desdobram até à surpresa final.

A colecção A Minha Cidade mostra cidades do mundo através do olhar de ilustradores que as percorrem com a ponta dos dedos e as conhecem como a palma das mãos. 
A colecção foi inaugurada em 2016, com as cidades de Edimburgo e Beja, apresentadas por por Marcus Oakley e Susa Monteiro. Seguiram-se Madrid, por Manuel Marsol, Viseu, por Ana Seixas, CoimbraQuito e São Paulo, por Catarina Sobral, Roger Icaza e Andrés Sandoval. 
Cada cidade é apresentada através de 12 sítios – escolhas íntimas e pessoais que revelam tanto do autor como da cidade que descrevem –, mais um mapa que revela a localização de cada sítio em imagens de esplendor gráfico-urbanístico. 
 

*Bibliodiversidade é um termo relativamente recente, que espelha no mundo dos livros a mesma necessidade de variedade que se pretende no mundo biológico. O conceito de bibliodiversidade assenta na ideia de que livros de linguagens, conteúdos e formatos diversos são essenciais para um mundo cultural mais rico e estimulante. A celebração da bibliodiversidade, é também o reconhecimento da importância das editoras independentes, as principais responsáveis pelo equilíbrio de um mercado editorial constantemente dominado pelas leis do lucro financeiro imediato.