Mas que Balbúrdia

O Pato Lógico acabou de publicar Balbúrdia, um novo título da colecção Imagens que contam, que surgiu em 2013 como um espaço de liberdade criativa para ilustradores contadores de histórias, em que cada convidado é desafiado a imaginar uma narrativa contada exclusivamente por imagens, integrada num formato com algumas regras predefinidas: reinterpretação do logotipo da editora em 32 páginas (mais guardas) eum título com uma palavra apenas. 
Teresa Cortez é a nova ilustradora, que se junta ao grupo composto por Marta Monteiro (Sombras), André da Loba (Bestial), Catarina Sobral (Vazio, White Ravens 2014), Afonso Cruz (Capital, Prémio Nacional de Ilustração 2015), Bernardo P. Carvalho (Verdade?!) e João Fazenda (Dança). Teresa Cortez dedica-se à ilustração, animação e cerâmica. Em 2011, foi seleccionada para a exposição de ilustradores da Feira do Livro Infanto-Juvenil de Bolonha e, nesse mesmo ano, recebeu o prémio “Melhor Curtíssima Portuguesa” no Festival de Animação de Lisboa Monstra.

Sinopse:
O foguetão do Tintim, um tambor que toca assim-assim, um elefante às riscas, um pião que roda pouco, um robô que parece louco… São brinquedos e mais brinquedos a encher um quarto que faz tempo não é arrumado por inteiro. Um dia… os brinquedos ganham vida. Balbúrdia lembra-nos que no peito dos desarrumados também bate um coração.

O livro já pode ser adquirido na loja online do Pato Lógico com 10% de desconto, e os primeiros dez exemplares têm direito a autógrafo desenhado. Brevemente estará disponível nas livrarias habituais.