Discórdia

12,15 €

PVP: 13,50 €

- 10% de Desconto

 

Ilustrações: Nani Brunini

Discórdia é uma narrativa visual sobre a polarização de opiniões no mundo actual e a necessidade de criar pontes de entendimento que nos ajudem a viver em comunidade.

Tudo começa com uma pequena divergência, que sobe de tom numa escalada ensurdecedora, arrastando partidários intransigentes de ambos os lados, até se tornar uma disputa insanável em que não há argumentos que resistam.

Ganha quem grita mais alto ou será que perdem todos?

Discórdia é um livro para quem está cansado de gritaria e assinala a estreia de Nani Brunini como autora.

Discórdia na primeira pessoa

«Antes de me mudar para Portugal, em 2018, eu morei em São Francisco, EUA. Como brasileira, presenciei bem de perto as transições para Trump e Bolsonaro. Tendo morado em Londres, também não escapei do Brexit. Vi muita gente quebrando amizades de longa data e se afastando da família por brigas políticas. Era impossível fugir do assunto — redes sociais, conversas com motoristas de Uber, etc. 

A ideia do livro surgiu desse incómodo — principalmente depois de me dar conta de que eu, a minha própria família e outras pessoas queridas, cuja opinião eu respeito, estávamos em lados opostos.»

Este livro nasceu de um trabalho do curso de ilustração da escola de artes Ar.Co, leccionado desde 2019 por Catarina Sobral e Tiago Guerreiro, com a orientação de André Letria, editor do Pato Lógico. Um dos exercícios do curso era, precisamente, a criação de uma narrativa visual para a colecção de livros silenciosos Imagens Que Contam.

Imagens Que Contam

A colecção Imagens Que Contam surgiu em 2013 como um espaço de liberdade criativa para artistas visuais, em que cada convidado é desafiado a imaginar uma narrativa contada exclusivamente através de imagens. No seu conjunto, a colecção conta com dois primeiros prémios e três menções especiais do Prémio Nacional de Ilustração.