Alfredo Keil, a pátria acima de tudo

Texto: José Fanha

Ilustrações: Susana Carvalhinhos

Ano de publicação: 2015

Dimensões: 14 cm × 23,5 cm

ISBN: 978-972-27235-5-8

Páginas: 48

Preço: 11,00 €

Comprar

Alfredo Keil foi o compositor do hino nacional, mas foi prolífico noutras artes além da música. A poesia e a pintura também preencheram a vida deste homem, nascido na segunda metade do século XIX e tornado símbolo de um regime republicano, que não chegou a ver implantado.

José Fanha (texto) e Susana Carvalhinhos (ilustrações) são os autores de mais um título da colecção Grandes Vidas Portuguesas.

Muitas vezes, as obras artísticas escapam da mão do seu autor no momento em que ele as entrega ao público; seguem caminhos próprios e, por vezes, inesperados. A Portuguesa apareceu logo a seguir ao Ultimato inglês, num espectáculo do Teatro dos Condes. Logo aí, o público saiu à rua a cantar a marcha, que se popularizou e se espalhou como fogo na palha. A popularidade deste hino tornou-se tal que a sua letra e até a sua partitura apareceram reproduzidas em rótulos de latas de bolachas e de sardinhas, em invólucros de sabonetes, caixas de charutos e noutras embalagens comerciais.

PNL — Plano Nacional de Leitura (apoio a projectos de História de Portugal para alunos do 3.º ao 6.º anos)

Grandes Vidas Portuguesas é uma colecção de biografias de personalidades que se destacaram em vários domínios da nossa história. É publicada em parceria pelo Pato Lógico e pela INCM.