Alexandre Serpa Pinto, o sonhador da África perdida

Ano de publicação: 2016

Dimensões: 14 x 23,5 cm

ISBN: 978-972-27251-3-2

Páginas: 80

Preço: 11,00 €

Comprar

Alexandre Serpa Pinto era um espírito indomável. Em criança, brincava com as espadas que ajudava o pai a forjar. Mais tarde, foi expulso da Universidade de Coimbra por desacatos com um professor. Nem a tropa o acalmou. O seu desejo de aventura só ficaria saciado quando participou em várias expedições a África, que para ele era uma terra de mistério e sonho.

Tal era o seu fascínio pelo continente africano - cujas riquezas eram então exploradas e repartidas pelas potências europeias - que o explorador haveria de protagonizar um feito inédito: a travessia do continente a pé com um papagaio ao ombro e uma cabra ao lado, num tempo de colonialismo, mapas cor-de-rosa e ultimatos. Serpa Pinto «não era uma pessoa comum, pois as pessoas comuns não costumam atravessar a pé África (ou qualquer outro continente) acompanhados de uma cabra e de um papagaio.» Mas também não era nenhum tonto. Quando muito, era um «grande maluco», e isto é um elogio. 

Grandes Vidas Portuguesas é uma colecção de biografias de personalidades que se destacaram em vários domínios da nossa história. É publicada em parceria pelo Pato Lógico e pela INCM.